Na Política

Biblia Online

Tamanho da letra

10/11 | 13:20h

Resiliência

Considero-me um bom observador e, durante todo o tempo em que venho lidando com pessoas, tenho percebido também alguns detalhes que se repetem no comportamento de muitos. Por exemplo: é grande o número de pessoas que param as coisas de sua vida pelo meio (poderíamos até chamar de “maldição do meio”); ou seja, pessoas que não conseguem terminar o que começaram. A Bíblia nos diz que “melhor é o fim das coisas do que o começo delas” (Eclesiastes 7:8), porém muitos não podem constatar isso, pois nunca terminam o que começaram. Quando reparamos nessas pessoas, percebemos que nas mais diversas áreas de sua vida as coisas estão pelo meio e sem perspectiva de terminarem: vida amorosa ficou pelo meio, vida profissional ficou pelo meio, vida espiritual ficou pelo meio. Triste! Mas é a realidade de muitos.

 

Na verdade, o que tem faltado a muitos é RESILIÊNCIA. Essa palavra, em latim, significa “voltar ao normal”. Um cientista a usou para tratar sobre a sua teoria da elasticidade dos materiais. Um exemplo disso seria a vara usada por um atleta na modalidade esportiva salto com vara. Essa vara enverga ao receber o peso do atleta e, portanto, naquela hora absorve energia e toda uma carga e, então, a libera, impulsionando o atleta para cima. Mas, depois, ela volta ao seu estado normal. Isso é resiliência. Esse exemplo pode se aplicar a nossa vida, pois também sofremos pressões e até nos envergamos, mas, depois, devemos voltar ao normal. Devemos ter resiliência, ou seja, não permanecer parados no meio da estrada, no meio da nossa história, por conta das pressões que já sofremos, quer tenham sido perdas, fracassos, decepções ou qualquer outra situação. Devemos nos levantar e continuar.

 

O apóstolo Paulo, quando escreve sua Carta aos Romanos (capitulo 12 e também versículo 12), diz que devemos ter a “alegria na esperança”, quer dizer, devemos saber que tudo vai passar e que as coisas não vão permanecer como estão; até mesmo a dor vai encontrar um lugar dentro de nós e abrir caminho para a continuidade da vida. Portanto, saiba que um novo dia virá. Ele também fala sobre a “paciência na tribulação”; precisamos dessa qualidade que advém da certeza de que Deus está no controle e sabe a hora certa de todas as coisas. Ele fala ainda sobre a ”perseverança em oração”, ou seja, perseverar significa “não desistir”; insista com seus sonhos, insista com a felicidade, pois se Deus está te permitindo acordar para viver mais um dia, é porque ainda tem alguma coisa para acontecer. Creia nisso, em nome de Jesus. Não fique preso a um luto eterno, não fique chorando todos os dias. Enxugue as lágrimas e vá em frente, pois o Senhor é contigo.

 

Na Carta aos Hebreus (capitulo 10, verso 39) está escrito algo que acho tremendo: “Nós, porém, não somos dos que retrocedem e são destruídos, mas dos que crêem e são salvos”.

 

Jesus te abençoe! Um forte abraço e até a próxima, se Deus disser que sim.

 

 *Luiz Antonio da Silva, ministro do Evangelho, é pastor da Igreja do Evangelho Quadrangular no bairro Jardins, em Aracaju, e Supervisor da igreja no Estado de Sergipe. Possui formação acadêmica em Teologia e graduação em Psicanálise Clínica, com pós-graduação em Teoria Psicanalítica. Também é graduado em Administração, com ênfase em Recursos Humanos e pós-graduação em Gestão Estratégica de Pessoas. Colunista no Jornal Correio de Sergipe e, agora, no Portal NaPolítica. Contato: luantosilva@msn.com


saiba mais



23-05-2017
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

Tudo Salvo

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter