Na Política

Biblia Online

Tamanho da letra

04/03 | 13:16h

Graciosidade e inspiração na Exposição de Mandalas de Maili Lantyer

Voltas de arte e beleza, é o que propõe a exposição da artista plástica Maili Lantyer. Nesta quarta-feira, 04, a partir das 20h30, ela estará expondo suas peças no Maori Bar, na Orla de Atalaia. Uma mistura de tons e movimentos, mas sempre com uma geometria circular, a mandala é citada como antiguidade de origem oriental, sobretudo no Tibete, do século VIII a.C.. Para os religiosos, é um arco sagrado de meditação. Para os psicólogos, um instrumento de terapia para recuperar o senso. E para os apreciadores de arte, a criatividade em manifestação circular.

 

Aos 26 anos de idade, Maili Lantyer revela na singularidade de suas obras a busca pela harmonia e concentração. “As mandalas representam para mim a busca do equilíbrio, que podemos encontrar dentro de nós, quando procuramos. É algo muito satisfatório, e dá uma leveza. Então sempre que penso em coisas bonitas eu penso em criar uma mandala. É uma forma minha de compartilhar essa sensação, e influenciar outras pessoas a essa busca, sem precisar que eu fale nada”, comentou a artista sorrindo.

 Notícias Sergipe

A exposição de Maili Lantyer é aberta ao público e contará ainda com som ambiente selecionado pelo Maori Bar, com a playlist do melhor da musica brasileira e internacional.

 




25-05-2017
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

Tudo Salvo

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter