Na Política

Biblia Online

06/10/14 | 01:02h (BSB)

Eduardo fala em oposição responsável, e anuncia apoio a Aécio Neves no 2º turno

“Dei a esta causa meu nome e parte de minha vida, nada a reclamar”, disse o senador

Por Raissa Cruz

“Eu saio vitorioso, não me considero um perdedor, saio muito melhor do que entrei. A luta continua”. Estas foram as palavras do senador Eduardo Amorim (PSC) que, apesar de ter obtido 41% dos votos, encerrou sua campanha pela disputa ao Governo de Sergipe vencido nas urnas pelo governador Jackson Barreto. Acompanhando de sua esposa Vilma e do seu vice Augusto Franco Neto, Eduardo em coletiva à imprensa fez agradecimentos e disse que se manterá a frente da oposição no Estado.

 

“Eu dei a esta causa o meu nome, a minha história, e parte da minha vida. Eu me preparei para chegar até aqui. Absolutamente nada a reclamar, valeu a pena, só tenho a agradecer... Nós temos que respeitar a vontade do povo. Mas continuaremos fazendo uma oposição responsável no nosso Estado, assumindo a oposição. Queremos o melhor para Sergipe. Minha disposição de sair cedo de casa e voltar tarde na luta da campanha era pensando naqueles que ficam nas portas dos hospitais. São muitas mortes... Mas saio dessa campanha com a consciência muito tranquila por ter abnegado para disputar”, comentou Eduardo.

 

Acompanhado do coordenador de comunicação de sua campanha, Franscisco Ferreira, e dos principais aliados desta eleição, entre eles a senadora reeleita Maria do Carmo (DEM), o prefeito de Aracaju João Alves (DEM), Eduardo agradeceu o apoio de sua família, esposa, e, em especial, ao seu irmão Edvan Amorim. “Só superei as dificuldades da campanha porque acredito em Deus, no povo sergipano, tive o apoio de vocês e da minha família”.

 

Promessas

Eduardo Amorim aproveitou a oportunidade para já cobrar do governador eleito o cumprimento de suas promessas de campanha. “Tomara que o vencedor nas urnas faça tudo que prometeu. Eu só prometi aquilo que eu achava que poderia ser materializado. Eu não minto, não iludo, e minha vida sempre foi pautada por princípios e valores. Aquele pensamento que os fins justificam os meios, isso nunca foi válido para mim”, disse ele.

 

Aécio

O senador também anunciou que falou ainda na noite deste domingo com a presidência do seu partido e foi confirmou que o PSC apoiará o candidato Aécio Neves (PSDB) na disputa contra Dilma Rousseff (PT).

 

Da redação NaPolítica.com



22-04-2019
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

SSP

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

Tudo Salvo

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter