Na Política

Biblia Online

Tamanho da letra

19/06 | 09:33h

Encontro Nordestino de Cultura acontece nos dias 17 e 30 de junho

São João é tempo de comidas típicas, forró e cultura em Sergipe. E todo esse clima começou a alegrar a população a partir deste sábado, 17, com a abertura dos Festejos Juninos do Arraiá do Gonzagão, no Complexo Cultural que leva o nome do Rei do Baião. A festa faz parte do Encontro Nordestino de Cultura, evento promovido pelo governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), com patrocínio.

Bandeirinhas, comidas típicas e muito forró de raiz marcam a programação do evento que, além do Arraiá do Gonzagão, oferece ao público o concurso de Quadrilhas do Arranca Unha, no Centro de Criatividade, no bairro Getúlio Vargas e o Arraiá do Povo, na Orla de Atalaia, que completa dez anos em 2017. “Vemos um apreço muito grande da população por esses eventos realizados pelo governo do Estado, pois são festas que envolvem as famílias, com tranquilidade, segurança, e atrações que exaltam nossa cultura popular”, destaca o secretário de Estado da Cultura, João Augusto Gama.

Na Orla de Atalaia, a festa acontece a partir do dia 22 de junho e segue até o dia 30, reunindo 52 atrações entre artistas e bandas sergipanas, nordestinas e de destaque nacional, quadrilhas e grupos folclóricos, selecionadas via edital. O espaço conta com toda infraestrutura para os visitantes, formando uma verdadeira vila do interior, com igreja, bodega, estandes de comidas típicas, artesanato, além de espaço kids.

As atrações do Palco Clemilda na noite de abertura, 22 de junho, às 19h serão Orquestra Sanfônica de Sergipe, Quadrilha Junina Retirantes do Sertão, Correia dos Oito Bastos e Falamansa. Já no Coreto, haverá apresentação do grupo Peneirou Xerém, Gilson do Acordeon e Odir Cairus. “Procuramos montar em todos os dias uma programação diversificada, com atrações tradicionais que agradam a todo o público”, afirma o superintendente executivo da Secult, Irineu Fontes, acrescentando que o acesso ao Arraiá, assim como ao Gonzagão e Centro de Criatividade, é gratuito.

As atrações artísticas foram selecionadas democraticamente através de edital, avaliado por uma comissão especial. O processo seletivo foi dividido em sete categorias entre bandas, músicos, grupos musicais, trios e quadrilhas juninas. O valor total de investimento nos três eventos que compõe o Encontro Nordestino de Cultura é cerca de R$ 1,3 milhão.


Concursos de quadrilhas


No Arraiá do Gonzagão, que começou sábado, 17, e segue até o dia 29 de junho, haverá 22 quadrilhas que disputarão um dos mais tradicionais concursos de quadrilhas do estado. As apresentações eliminatórias acontecem nos dias 17, 18, 23, 24, as semifinais nos dias 25 e 28 e a grande final no dia 29.

Outro evento que marca as festividades realizadas pela gestão estadual é o Arranca Unha, no Centro de Criatividade. O Espaço está sendo reformado pelo governo e, este ano, retorna com seu animado concurso de quadrilhas. No dia 21, o governador Jackson Barreto irá abrir as festividades em uma abertura simbólica do espaço, uma vez que as obras continuarão até o mês de novembro. O concurso de quadrilhas terá sua fase eliminatória nos dias 22, 23, 24 e 25; as semifinais nos dias 28 e 29 e a grande final no dia 30. Tanto no Centro de Criatividade como no Gonzagão, a programação inicia sempre às 20h.


Da ASN




29-06-2017
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

Tudo Salvo

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter