Na Política

Biblia Online

03/12/19 | 17:28h (BSB)

Professores estaduais encerram greve e desocupam Alese

Sintese considera a paralisação vitoriosa

Ampliar Foto

Sintese

Os professores da rede estadual decidiram em assembleia encerrar a greve na tarde desta terça-feira, 3. O prédio da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) também foi desocupada após um semana de acampamento. A paralisação foi iniciada no dia 26 de novembro, por causa de dois Projetos de Lei Complementares (PLC) que mudam algumas regras nas carreiras dos professores.

De acordo com o governo do Estado, os dois PLs foram enviados para a Alese, mas que “nenhum deles há discussão sobre retirada de triênio dos professores ou diminuição de salários dos servidores da educação”.

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica do Estado de Sergipe (Sintese) considerou a greve como “vitoriosa”. “Vamos desocupar a Assembleia Legislativa, encerramos a nossa greve, voltamos para a sala de aula para finalizar o ano letivo, mas ficaremos permanentemente vigilância. Ficaremos em vigília na Assembleia Legislativa, vamos encher aquelas galerias e vamos conquistar todas as nossas pautas, nenhum direito nos será retirado”, garante a professora Ivonete Cruz.

Segundo o Sintese, os professores conseguiram manter o direito ao triênio, as incorporações das gratificações para aposentadoria e a redição de ¼ da carga horária aos 20 anos de trabalho. Porém destaca que a luta agora é para manter a redução de 1/5 da carga horária, aos 15 anos de carreira para todos e todas que estão na ativa.

 

Com informações do Sintese



09-12-2019
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter