Na Política

Biblia Online

07/11/19 | 06:40h (BSB)

Kitty critica reprovação de Estatuto do Pedestre na CMA: ‘Retrocesso da bancada de Edvaldo’

A deputada estadual Kitty Lima (Cidadania) lamentou na tarde desta terça-feira, 5, a rejeição do Projeto de Lei Complementar (PLC) que visava instituir o Estatuto do Pedestre em Aracaju. A propositura, de autoria de Kitty, à época vereadora, e do vereador Lucas Aribé (PSB) recebeu votos contrários da bancada ligada ao prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) durante votação na Câmara de Vereadores (CMA).

O projeto do Estatuto do Pedestre tramitava na CMA desde meados de 2017 em uma parceria construída junto ao mandato de Lucas Aribé. Kitty Lima criticou a reprovação e ressaltou a importância que sua sanção teria para a sociedade. “Além da regularização das calçadas e da sinalização própria, o projeto prevê que a iluminação pública esteja voltada ao pedestre. Sem ele, a população não terá uma lei que garanta segurança para os deslocamentos a pé e também para aqueles que têm deficiência ou mobilidade reduzida”, aponta.

A votação teve um placar de 6 votos contrários, 6 favoráveis e 3 abstenções. Por se tratar de um PLC, sua aprovação dependia de, no mínimo, treze votos favoráveis para o encaminhamento ao Poder Executivo.

“A sociedade precisa ficar ciente do que aconteceu ontem na Câmara. Tem sido assim desde o início do mandato, em 2017, quando se iniciou esse processo de derrubada de projetos que beneficiariam a população. Existem outros projetos importastes e nós precisamos que a população acompanhe para que absurdos como essa não voltem a ocorrer”, conclui Kitty.

Da Assessoria de Imprensa



07-12-2019
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter