Na Política

Biblia Online

28/11/18 | 22:28h (BSB)

Antônio dos Santos condena liberação do cultivo da cannabis sativa

O deputado estadual Antônio dos Santos (PSC) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa, nessa quarta-feira (28), para condenar a proposta de lei que permite o cultivo da cannabis sativa para uso pessoal terapêutico, desde que haja prescrição médica. O projeto foi aprovado mais cedo na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado.


O texto ainda precisa passar pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) antes de ser votado no plenário do Senado. Em seguida, precisará ser apreciado na Câmara dos Deputados. Antônio dos Santos destacou o voto contrário do senador Eduardo Amorim (PSDB). A cannabis sativa é a planta que dá origem à maconha.


“Fui comunicado dessa votação como presidente da Associação dos Parlamentares Evangélicos do Brasil, por ter acompanhado outras votações e audiências públicas sobre o tema. Desde então que percebi que essa história de uso medicinal tinha por trás a intenção da liberação para o uso recreativo. Descobrimos, denunciamos e o projeto havia parado de tramitar”, explicou o deputado.


Em seguida, Antônio dos Santos agradeceu o voto contrário dado pelo senador Eduardo Amorim e disse que se o uso medicinal da maconha procede, que este tratamento seja feito pelo SUS e que as autoridades simplesmente não liberem o seu cultivo. “A gente percebe que por trás dessa liberação há o interesse em liberar a droga de uma forma geral”.

“O Estado já tem sido vítima do tráfico de drogas e isso termina contaminando muitos usuários, vítimas desse sistema. Depois o próprio Estado não nada e aí temos um problema social maior. Em 2017 foram mais de 63 mil assassinatos brutais e quase 90% deles tinham relação com drogas. Estou concluindo meu mandato, mas não deixarei de lutar contra essas aberrações e pelos valores da vida e da família. Como um País que não cuida dos seus dependentes químicos vai liberar esse cultivo para termos mais dependentes?”, questionou o deputado.

Da Alese

 



12-12-2018
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

Tudo Salvo

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter