Na Política

Biblia Online

09/07/18 | 06:10h (BSB)

Ipesaúde ainda não tem estudo financeiro

A emenda aditiva apresentada pelo deputado Gilmar Carvalho (PSC), ao Projeto de Lei 70/2018, de autoria do Poder Executivo (visando alteração no rol de beneficiários dependentes do Instituto de Promoção e Assistência à Saúde dos Servidores do Estado de Sergipe –Ipesaúde), foi retirada de pauta, quando da votação de projetos na última terça-feira, 3 no plenário da Assembleia Legislativa de Sergipe. Beneficiários já estão providenciando a inclusão de descendentes – filhos e netos, de até 34 anos – ao plano de saúde estadual. Quanto à possibilidade de extensão aos ascendentes (caso a emenda seja aprovada), o órgão ainda não fez um estudo de impacto financeiro.

O líder do Governo, deputado Francisco Gualberto (PT) e outros parlamentares a exemplo de Gustinho Ribeiro (PSD), Silvia Fontes (PDT) e Zezinho Guimarães (MDB), convenceram o autor da emenda a retirar o documento, para que o mesmo seja discutido e votado no retorno aos trabalhos (em agosto). E apresentaram uma Emenda Modificativa ao PL.


Da Alese



21-07-2018
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

Tudo Salvo

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter