Na Política

Biblia Online

30/01/18 | 07:29h (BSB)

Edvaldo anuncia liberação dos recursos do Plano de Mobilidade Urbana para Aracaju

Principais avenidas da cidade com novo pavimento, terminais e abrigos de ônibus reformados e semaforização inteligente. Estes são os pontos principais do Plano de Mobilidade Urbana de Aracaju, que se tornarão realidade a partir de agora. Na manhã desta segunda-feira, 29, durante solenidade no Centro Administrativo, o prefeito Edvaldo Nogueira anunciou a liberação de R$ 130 milhões, do governo federal, para a efetivação do projeto. Ainda nesta semana, na quinta-feira, dia 1º de fevereiro, o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, estará em Aracaju para formalizar o convênio.

“Este é um projeto que fiz ainda no meu mandato anterior, há cinco anos, mas que ficou paralisado na gestão passada. Nós retomamos e conseguimos recuperar os recursos, graças ao apoio fundamental do deputado André Moura, líder no governo no Congresso. Para se ter uma ideia da importância deste ato, este será o primeiro contrato que o governo federal firma em 2018 com uma prefeitura. É o progresso e o desenvolvimento voltando para a nossa cidade e tudo isso perto do aniversário da nossa Aracaju, um grande presente”, afirmou o prefeito.

Edvaldo detalhou então como se dará a aplicação dos recursos: “Vamos recapear quatro corredores de transporte, recuperar os terminais e os abrigos de ônibus e vamos fazer uma central de inteligência no trânsito, além de substituir grande parte dos semáforos. Ao final, teremos um grande legado no campo da mobilidade urbana”.

O líder do governo federal no Congresso Nacional, deputado federal André Moura, destacou que a liberação dos recursos só será possível graças à capacidade gerencial da prefeitura. “Quero ressaltar que toda essa parceria é possível graças aquilo que a Prefeitura tem nos proporcionado de condições para viabilizar esses recursos junto ao Governo Federal. O ministro Alexandre Baldy fez questão de ressaltar que este será o primeiro contrato assinado em 2018 entre o Ministério das Cidades e uma Prefeitura no país. Do mesmo jeito que, em 2017, Aracaju foi o segundo ente a receber recursos do Orçamento Geral da União”, disse.

O parlamentar reiterou ainda que a parceria firmada com Edvaldo representa “um jeito novo de se fazer política em Sergipe”. “Estamos trabalhando independentemente das questões político partidárias, mas ajudando as pessoas e pensando no futuro dos aracajuanos. É dessa maneira que deve ser o espírito público republicano de se fazer política. Tenho certeza que nós traremos muitas outras boas notícias. Não estamos fazendo isso pensando em palanque das eleições. É acima de tudo cumprir o nosso dever, a nossa obrigação. Afinal de contas, você é o prefeito de todos e eu sou deputado representando Sergipe”, explanou.


O Plano

Serão beneficiados com o recurso os corredores de transporte que compreendem as avenidas Beira Mar (desde o Centro, nas imediações dos mercados centrais, até o bairro Atalaia), Hermes Fontes (em toda a sua extensão), Augusto Franco (mais conhecida como “Rio de Janeiro”) e a via que se inicia na avenida Paulo VI (ainda no conjunto Augusto Franco) e segue até o Centro.

Terminais de ônibus serão reformados e novos terminais serão construídos. Quanto à semaforização inteligente, uma Central de Inteligência e Controle será construída, de onde será possível coordenar o funcionamento dos novos semáforos para garantir mais fluidez e redução das retenções de trânsito nos horários de pico.
Compartilhar


Da PMA



25-05-2018
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

Tudo Salvo

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter