Na Política

Biblia Online

01/12/17 | 18:12h (BSB)

Ana Alves é encaminhada para o presídio feminino de Socorro

Presidente do DEM é acusada de associação criminosa

Do Portal NaPolítica

A presidente do Democratas de Sergipe, Ana Alves, foi detida nesta sexta-feira, 1º, acusada de associação criminosa e peculato. A filha do ex-prefeito João Alves (DEM) e da senadora Maria do Carmo (DEM) foi encaminhada ao presídio feminino em Nossa Senhora do Socorro.


O Ministério Público e policiais do Departamento de Crimes Contra a Ordem Tributária e Administração Pública (Deotap) cumpriram Mandados de Busca e Apreensão no sede do DEM, em Aracaju, onde foram apreendidos documentos e computadores. O MP informou à imprensa que as medidas foram autorizadas pelo Juízo da Segunda Vara Criminal de Aracaju, em investigações conduzidas pelo GAECCO do MPSE, no curso da Operação Caça-Fantasmas, decorrente da Operação Anti-Desmonte, deflagrada no final de 2016, quando da saída de João Alves Filho da Prefeitura de Aracaju.

 

Ainda de acordo com o MP, a Presidente do DEM é investigada por participação em peculato, formação de organização criminosa e obstrução de investigação. O MP informou também que há informações e indícios de que ela praticou atos graves na tentativa de induzir declarações e depoimentos de investigados e testemunhas no curso das investigações do Ministério Público, o que teria motivado sua prisão preventiva.

 

Segundo a Secretaria de Estado de Justiça (SEJUC), Ana Alves foi encaminhada ao presídio onde ocupará uma cela com mais quatro internas. Ela foi levada ao cartório para fazer a foto que será inserida no sistema penitenciário e recebeu fardamento.

 

A assessoria juridica de Ana Alves ainda não se manifestou à imprensa, mas o portal NaPolítica está à disposição para o recebimento de informações sobre sua defesa. 

 

Da redação



11-12-2017
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

Tudo Salvo

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter