Na Política

Biblia Online

01/12/17 | 11:11h (BSB)

Maria enaltece trabalho de Almir Santana

A deputada Maria Mendonça (PP), manifestou hoje (30), preocupação em relação ao crescimento dos casos de Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) em Sergipe, especialmente, entre os públicos, infanto-juvenil e da terceira idade. “Temos dados, ainda, alarmantes sobre a incidência de doenças infectocontagiosas em nosso Estado, apesar de todo empenho do doutor Almir Santana e da sua equipe, através do Programa Estadual de Prevenção”, destacou a parlamentar, após ouvir palestra proferida pelo médico, na Assembleia Legislativa, atendendo a um Requerimento de sua autoria.

Segundo Maria Mendonça, pesquisas da Secretaria de Estado da Saúde (SES) indicam a prevalência das Infecções entre os adolescentes que, em sua maioria, “não têm usado preservativos nas relações sexuais, o que os deixa mais vulneráveis à doenças como HIV e sífilis”. Ela destacou a existência de 157 crianças e 97 idosos acometidos pelo vírus da AIDS, dados que no seu entender “expõem a necessidade de fortalecermos as campanhas de conscientização em todas as camadas sociais”.

Maria Mendonça lembrou que em 2015 já alertava, por meio de uma Indicação, endereçada à época, ao então secretário da Saúde, Zezinho Sobral, sobre a necessidade de campanhas preventivas ao Sífilis. Como não houve medidas de prevenção, observou Maria, contatou-se um aumento de 7% para 10% no número de jovens de 13 a 19 anos diagnosticados com a doença, no ano passado, conforme revelou o Ministério da Saúde.

Para ela, é preciso haver orientação sobre o assunto, em casa, nas escolas ou em qualquer espaço de diálogo. “A responsabilidade no enfrentamento às ISTs não é apenas do Poder Público, mas da sociedade de modo geral”, disse, salientando que em 2011, propôs na Assembleia um Projeto de Lei, sugerindo a obrigatoriedade da vacina preventiva ao HPV. “À época a propositura foi arquivada nesta Casa, mas no final de 2015, o Ministério da Saúde acolheu a nossa ideia e disseminou a vacina por todo o país”, disse Mendonça.

DEZEMBRO VERMELHO

De acordo com Maria, a exposição do médico Almir Santana foi extremamente oportuna, considerando que nesta sexta-feira (1º de dezembro) celebra-se o dia de luta contra a Aids, além do mês ser dedicado às ações de prevenção e conscientização sobre doenças infectocontagiosas. A parlamentar disse esperar que essa campanha sirva para “despertar nossa sociedade para uma profunda reflexão sobre o quão danosas são essas doenças que matam impiedosamente”. Maria ressaltou que a sua expectativa é que com a conscientização, mude-se o comportamento das pessoas.

Em sua fala, Maria Mendonça também enalteceu os relevantes serviços prestados pelo médico Almir Santana à sociedade sergipana, através da coordenação do Programa Estadual de Prevenção às ISTs. Para ela, o êxito na redução do número de óbitos de pacientes com AIDS se deve, também, ao destemor do sanitarista na busca pela quebra de preconceitos e conscientização da população.

“Sou uma grande admiradora do seu trabalho, doutor Almir, pois reconheço um abnegado, escolhido por Deus para defender a sociedade numa causa que afeta a todos, independentemente de raça ou condição social”, concluiu Maria Mendonça, ao apelar para que cada cidadão abrace a causa.

Da Assessoria de Imprensa da Parlamentar



11-12-2017
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

Tudo Salvo

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter