Na Política

Biblia Online

27/06/17 | 08:55h (BSB)

Maria cobra execução de Leis que visam o enfrentamento às drogas

A deputada estadual Maria Mendonça (PP) lamentou a ausência de políticas públicas que garantam o enfrentamento às drogas em Sergipe. Em pronunciamento hoje (26), quando se celebra o Dia Internacional de Combate às Drogas, a parlamentar cobrou a execução de quatro proposituras de sua autoria (Leis 8.175, 7809 e 7.707) bem como a Indicação 173/2015, que sugerem iniciativas de prevenção e redução dos danos provocados pelo uso de entorpecentes.

Em sua fala na tribuna da Assembleia Legislativa, Maria citou como exemplo o caso de um jovem de 17 anos, apreendido por policiais da Delegacia de Itabaiana, este final de semana, quando atentava contra a vida da própria mãe, ameaçando matá-la com uma faca. “É uma situação desesperadora. São milhares de pais e mães sergipanos vivendo aflitos por verem seus filhos nesse caminho. A situação se agrava dia após dia, e nós não percebemos políticas públicas que possam minorar essa situação tão vexatória”, lastimou a deputada.

Ela enfatizou que, além do combate às drogas ilícitas, é preciso chamar atenção para o uso das drogas consideradas lícitas, como o álcool. Nesse sentido, um dos seus Projetos, já transformado em Lei, estabelece um programa de conscientização e prevenção ao alcoolismo juvenil. “A juventude está sendo dilacerada e é preciso atitude dos governantes para viabilizar a recuperação dos jovens e sua reinserção no seio da sociedade”, defendeu Maria.

Para ela, o enfrentamento às drogas deve ser uma preocupação permanente do Poder Público, intensificado por meio de ações educativas, de ressocialização e integradoras. “Esse 26 de junho é um dia de reflexão sobre o prejuízo enorme que as drogas têm causado nas famílias”, afirmou Maria Mendonça.


Proposituras

Projeto 02/2012 (que virou a Lei 8.175) determina a comunicação por parte dos hospitais, clínicas e postos de saúde, ocorrências de embriaguez, uso de drogas por crianças e adolescentes.


Já o Projeto 03/2012 (que virou a Lei 7.809) dispõe sobre a criação no âmbito do Estado de Sergipe, do dia estadual de prevenção e enfrentamento ao crack, associando o incentivo ao esporte, cultura e arte.


O Projeto 238/2011 (transformado na lei 7.707) estabelece o programa de conscientização e prevenção do alcoolismo juvenil no âmbito do Estado de Sergipe.

Nessa mesma linha, a deputada Maria Mendonça propôs a Indicação 173/2015 solicitando ao governador Jackson Barreto e à Secretaria de Saúde que viabilizem a construção de um centro de tratamento especializado em reabilitação, resgate e internação de dependentes químicos no Estado de Sergipe.

As proposituras, enfatizou a deputada, devem ser colocadas em práticas de modo a garantir menos dano à juventude, bem como às suas famílias e à sociedade. “A questão das drogas não é um problema isolado. É algo que afeta a todos nós. E, nesse sentido, o poder público deve ser diligente no sentido de adotar medidas que visem o seu enfrentamento”, afirmou.


Da Ascom



18-11-2017
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

Tudo Salvo

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter