Na Política

Biblia Online

06/06/17 | 08:13h (BSB)

Antônio dos Santos fala sobre os riscos de contaminação do Rio São Francisco

O deputado estadual Pastor Antônio dos Santos (PSC), ocupou a tribuna do pequeno expediente da sessão plenária da tarde desta segunda- feira (05), a fim de informar sobre convite que recebeu na última semana pelo Poder Legislativo do município de Neópolis, atendendo a Requerimento Nº 11/2017 de autoria do vereador João Andrade dos Santos, visando a realização de palestra.

O parlamentar disse que o convite se tratou de resultado de pronunciamento realizado nesta Casa, onde se mostrou preocupado com proliferação de vermes, também chamados de poliquetas (Polychaeta) aquáticas de hábitos noturnos na água do Baixo São Francisco, especialmente as águas que banham as margens do rio São Francisco.

Durante pronunciamento, Pastor Antônio dos Santos disse que a palestra, realizada no plenário da Câmara Municipal de Neópolis, Sebastião Campos de Jesus Lima, aconteceu na última quarta-feira , 31 de maio.

“Levei alguns esclarecimentos, inclusive relatório de estudo realizado nas margens norte e sul do rio São Francisco, que constatou que as águas estavam infestadas dos vermes, deixando a população em pânico”, ressaltou Pastor Antônio dos Santos.

Antônio dos Santos disse ainda que “lamentavelmente, até o momento, não houve o pronunciamento da Companhia de Saneamento de Sergipe esclarecendo a população sobre os vermes”, pontuou acrescentando “procurei por duas vezes, sendo atendido por Flávio Vieira, assessor de comunicação da Deso, que reportou-nos acerca dos dados oferecidos pelo Estado de Alagoas”.

A Universidade Federal de Alagoas(UFAL) e Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), enviaram pesquisadores para coletar e analisar a água do local, onde foi emitido nota oficial informando que os vermes aquáticos (Polychaeta) localizados nas águas do Rio São Francisco nos trechos dos municípios de Penedo/AL, Neópolis, Brejo Grande, Ilha das Flores, Santana de São Francisco não oferecem riscos à população, sendo comuns e importantes para a dieta de diversas espécies de camarões, peixes e aves. Não causando qualquer risco ao ser humano. Foi com essa exposição de dados, que foi realizada a palestra, explicou o deputado Antônio dos Santos.

Por Agência de Notícias Alese



21-08-2017
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

Tudo Salvo

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter