Na Política

Biblia Online

16/08/13 | 20:48h (BSB)

Ruas e avenidas de Aracaju receberão nova sinalização horizontal

A partir da próxima segunda-feira, 19, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), órgão vinculado à Secretaria Municipal de Defesa Social e da Cidadania, inicia o processo de revitalização da sinalização nas vias recapeadas pela Emurb, no Programa ‘Rodando no Macio’. Nesse primeiro momento serão refeitas marcações de faixas de pedestres, linhas de divisão de fluxo, conflito em cruzamentos e delimitação de faixas exclusivas para motos.

 

Conforme explicou o diretor de planejamento e sistemas da SMTT, Francisco Navarro, “vamos começar pelas avenidas Mariano Salmeron e Celso Oliva, que já foram recapeadas pela Emurb e fazem parte do Programa ‘Rodando no Macio’, além de algumas outras que não foram contempladas pelo programa, mas que estão em condição de pintura. Uma delas é a Beira Mar, vindo desde a Atalaia até a Ivo do Prado”.

 

As avenidas Barão de Maruim, Desembargador Maynard, Dr. José da Silva Ribeiro Filho e a rua Quintino Marques também receberão as sinalizações horizontais. Para tal, serão utilizados sete mil m² de tinta amarela e 120 mil m² de tinta branca. A previsão é que para cada avenida e rua, o trabalho dure entre três e quatro dias.

 

“Nessa nova pintura vamos fazer algumas organizações diferentes, como no caso das faixas amarelas de conflito em cruzamentos. A intenção é impedir que os veículos fiquem parados em cima da faixa e fechem o cruzamento. Outro ponto é o espaço para motos nos cruzamentos semaforizados. Vamos fazer uma faixa para motos e evitar que elas estejam paralelas aos carros”, informa Navarro.

 

Algumas faixas de pedestres também serão alteradas. Nos cruzamentos não semaforizados as faixas serão implantadas com recuo de cinco metros das esquinas, permitindo que estejam sempre livres para a passagem dos pedestres. Nos cruzamentos onde há semáforos, as faixas permanecerão nos locais de origem.

 

Toda a operação dependerá da situação climática na cidade, além do período de 15 dias para a “maturação” do asfalto (no caso do recapeamento). “O asfalto não poderá estar molhado e receber a pintura. Se chover no dia anterior, por exemplo, precisamos que faça um dia inteiro de sol para que o asfalto seque, senão a tinta não adere”, alega o diretor de planejamento e sistemas, Francisco Navarro.

 

Da PMA



23-05-2017
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

Tudo Salvo

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter