Na Política

Biblia Online

10/09/12 | 09:31h (BSB)

Manchou, e agora?

Lâminas de barbear e cera quente são, na maioria das vezes, os grandes responsáveis por irritações e manchas na pele

Tem coisa pior do que você não se sentir bem consigo mesma ou estar sempre com a impressão de que todos estão observando aquilo que tanto te incomoda? Acredito que não, principalmente quando o assunto se trata de manchas nas axilas e virilhas, lugares que possivelmente são vistos e estão sujeitos a comentários bastante constrangedores.

 

Pensando em auxiliar quem sofre desse mal, o Saúde e Beleza em Dia tratou de se inteirar um pouco mais sobre o assunto com a dermatologista Martha Débora Lira Teixeira. Segundo a especialistao que ocorre com a pele é que ela sofre um aumento da produção de melanina provocando o escurecimento, principalmente em pessoas de pele morena e negra.

 

As manchas chegam sem pedir licença e se instalam no corpo por diversos motivos. Alergias, fungos, exposição solar, a predisposição genética; as questões hormonais, que podem ocorrer durante a gravidez e a amamentação; trauma ou atrito na região, que ocorre quando nos movimentamos, como também todos os métodos depilatórios - cera, lâmina ou cremes”, explica Martha Débora.

 

Quem se identificou com o assunto, pode respirar aliviada. A dermatologista garante que existem tratamentos que ajudam a eliminar a melanina, mas ela frisa que a paciente precisa, antes, ser examinada para definir o tratamento mais adequado. “A depender do tratamento, a paciente pode usar cremes à base de ácidos e clareadores, peelings superficiais e o laser, ambos realizados em consultório médico”, afirmaApós os procedimentos, a especialista conta que é comum ocorrer vermelhidão, descamação leve e sensibilidade na pele da região tratada, mas diz que, progressivamente, ocorrem melhoras.

 

Tratamento EstéticoO número de sessões e os efeitos dependem do grau de hiperpigmentação da pele, portanto paciência e disciplina são as palavras-chave para obter resultados satisfatórios no tratamento. “Durante o tratamento deve-se usar protetor solar em caso de exposição ao sol. Além disso, é importante manter as orientações sobre a prevenção destas manchas, pois não adianta tratar a mancha se continua existindo o fator causal”, orienta a médica.

 

Está lançada a oportunidade de se prevenir contra as manchas nas axilas e virilhas para poder curtir o próximo verão, sem vergonha. Atente-se a alguns alertas que a dermatologista listou:

- Usar roupas mais leves e menos apertadas;

- Usar talco líquido ou outro creme de barreira para diminuir o atrito;

- Usar protetor solar durante exposição ao sol;

- Emagrecer (pois irá diminuir o atrito na região).

- Evitar desodorantes contenham álcool e perfumes. Em algumas pessoas, estes produtos podem irritar a região provocando manchas.

Martha Débora- O melhor método depilatório para evitar manchas é a depilação a laser. Mas, se não for possível, ao utilizar outros métodos, convém espaçar a depilação na região, pois quanto menos agressão, menos processo inflamatório e menos mancha.

 

Bruna Andrade é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Tiradentes (UNIT), pós graduanda em Comunicação, Marketing, Assessoria de Imprensa e Webjornalismo pela Faculdade Pio Décimo e colunista sobre Saúde & Beleza do Universo Político.com, com experiência em TV, rádio, revista e jornal impresso.

Contato: brunadiandradebda@hotmail.com

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



27-06-2019
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

Tudo Salvo

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter